Retroceder Nunca, Render-se Jamais (1986) | Van Damme de vilão e Bruce Lee no coração
in

Retroceder Nunca, Render-se Jamais (1986) | Van Damme de vilão e Bruce Lee no coração

O filme que deslanchou as produção de artes marciais de baixo orçamento

Quando eu falo que os anos 80 era uma época especial, não é mentira e muito menos um saudosismo barato. O cinema daquela época queria apenas uma coisa: fazer a porrada comer solta com o “mínimo” de contexto. Eu bato na tecla do mínimo pra não dizer que não existe nenhum. Claro que existem filmes que só tem trocação do começo ao fim, mas não é o caso de filmes com Jean-Claude Van Damme.

“Retroceder Nunca, Render-se Jamais” (No Retreat, No Surrender) é um filme sobre Karate Full Contact (modalidade que permite o nocaute como critério de vitória) dirigido pelo chinês Coren Yuen e roteiros de See-Yuen Ng e Keith W. Strandberg. A produção foi feita em parceria com Hong Kong e os Estados Unidos, e transformou esse estilo de filmes pra sempre e ainda lançou o astro belga aos holofotes de Hollywood. Assista à filmes e séries em HD na SKY TV.

Retroceder Nunca, Render-se Jamais (1986) | Van Damme de vilão e Bruce Lee no coração

Na história, Jason Stillwell (Kurt McKinney) é um fã de Bruce Lee (e quem não é?) e jovem aprendiz de artes marciais. Após seu pai negar participar de uma gangue de criminosos que querem dominar os dojôs de Karate norte-americanos, eles se mudam de Los Angeles para Detroit. Em sua vida nova, Jason até tenta se integrar, interagir com a rapaziada da região, mas isso não dá muito certo, pois as confusões e tretas serão comuns na vida do garoto. Nesse círculo de problemas, Jason vai poder contar apenas com o fiel amigo R.J Madison (J.W Fails) e a garota mais bonita da escola, Kelly Reilly (Khatie Sileno).

Após ser espancado várias vezes e sempre ter a reprovação de seu pai por conta das brigas, Jason decide sair de casa e começar a sua trajetória de superação. Nesta jornada, ele vai contar com a ajuda do espírito de Bruce Lee que vai tocar seu coração de uma vez por todas e ajudá-lo a se vingar do mortal Ivan (Jean-Claude Van Damme). O russo mais do que nunca quer acabar de uma vez por todas com todos os dojôs de Karate da cidade.

Retroceder Nunca, Render-se Jamais (1986) | Van Damme de vilão e Bruce Lee no coração

Bom, esse é o mínimo de contexto que o espectador vai encontrar em “Retroceder Nunca, Render-se Jamais”. Enquanto você passa o filme todo se perguntando onde está Van Damme, o protagonista vai vivendo um sonho bem louco com o mestre do Kung Fu. É certo dizer que para época, o filme fez muito sucesso por aqui. Bem dizer, foi um dos primeiros arrasa quarteirão das videolocadoras.

Retroceder Nunca, Render-se Jamais (1986) | Van Damme de vilão e Bruce Lee no coração

Mas se você não assistir ao filme tendo em mente o contexto na qual ele foi criado, vai parecer que é uma produção trabalhada puramente na galhofa. Até a aparição do Bruce Lee soa de forma bizarra. Mas depois você entender que ele está ali para acalmar o coração e a ansiedade do menino Jason.

“Retroceder Nunca, Render-se Jamais” tem um Van Damme sério, que praticamente não abre a boca, mas que também nem precisa. Quando se tem Van Damme em tela, o que a gente quer ver é o maluco descendo a porrada.

O problema é que estes momentos ficam para o final do filme, e isso pode deixar você um pouco entediado com a jornada do garoto até o momento em que ele desafia o poderoso Ivan Krushensky para a luta mortal. Prepare-se, pois será a primeira e única vez que você verá Van Damme sendo derrotado em um filme. Pode anotar se quiser e me cobrar depois!

Se você é apaixonado pelos anos 80 e pelos filmes de artes marciais, “Retroceder Nunca, Render-se Jamais” precisa estar na sua lista. Se você é do tipo que coleciona DVDS e Blu-rays, ele precisa ser mais um título do seu acervo.

Retroceder Nunca, Render-se Jamais (1986) | Van Damme de vilão e Bruce Lee no coração

“Retroceder Nunca, Render-se Jamais” está disponível em uma edição especial em DVD distribuída exclusivamente pela 1Films. Clique aqui e garanta a sua!

No mais, nunca desista!

E aí, curtiu?

Escrito por Bruno Fonseca

Fundador e editor-chefe do PL. Jornalista apaixonado por quadrinhos, filmes, games e séries.

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

Loading…

0
Hitman 3 | O grande desfecho para o Agente 47

Hitman 3 | O grande desfecho para o Agente 47

Haven | O descobrimento de um novo mundo pode ser fantástico

Haven | O descobrimento de um novo mundo pode ser fantástico