Curiosidades sobre ‘Todo Mundo Odeia o Chris’
in

Curiosidades sobre ‘Todo Mundo Odeia o Chris’

Curiosidades de bastidores de um dos melhores seriados de todos os tempos

Há 15 anos, estreava um seriado norte-americano, produzido pela ‘The CW,’ chamado “Todo Mundo Odeia o Chris” baseado na vida do ator e comediante Chris Rock. A atração durou quatro anos nos EUA e chegou ao Brasil pela RecordTV em 2006, um ano depois de sua estreia.

A série

Curiosidades sobre ‘Todo Mundo Odeia o Chris’

“Todo Mundo Odeia o Chris” se passa no bairro no bairro de Bed-Stuy, em Nova Iorque, durante a década de 1980. Ela conta a história de Chris, um garoto que vive uma vida com muitas dificuldades junto com sua mãe Rochelle (Tichina Arnold), o seu pai Julius (Terry Crews), e seus irmãos Tônia (Imani Hakim) e Drew (Tequan Richmond).

Chris vai estudar na “Escola Secundária Corleone”, fora de Bed-Stuy, e onde começa a cursar o sétimo ano. O problema é que a escola é longe de sua casa e é frequentada apenas por pessoas brancas, isso na época em que o racismo estava em seu auge em toda a América. Para piorar a situação, no primeiro dia de aula ele briga com o valentão da escola, Joey Caruso, um garoto racista, que passa a infernizar sua vida. Entre uma surra e outra, Chris acaba fazendo amizade com Greg, um garoto nerd que não sabe brigar, mas assim como Chris, sabe correr dos valentões. A escola ainda conta com a professora Morello, que tenta ser politicamente correta, mas acaba reforçando estereótipos raciais.

Em meio a isso tudo, Chris vive seu primeiro amor (não correspondido) por sua vizinha, Keisha. Chris também frequenta a Mercearia do Doc, onde ele vai jogar o Game “Asteroids” em uma máquina de fliperama da loja, o que fez ele ser conhecido como o melhor jogador do bairro.

Críticas sociais

“Todo Mundo Odeia o Chris” parte desse ponto ao apresentar suas críticas sociais, mais ao longo das quatro temporadas, diversos problemas sociais são reproduzidos sempre com um tom cômico e indo diretamente no cerne das questões raciais, da consciência de classe e de como o estado agia nos anos 80.

Apesar de ser tudo muito atual, muitas crianças e adolescentes na época não pensavam muito nos ensinamentos que “Todo Mundo Odeia o Chris” trazia, mas sim em se divertir com Chris sempre se ferrando de um jeito ou de outro.

Exibição no Brasil

Curiosidades sobre ‘Todo Mundo Odeia o Chris’

O seriado foi repetido a exaustão pela RecordTV na TV aberta e na Sony, TBS e Comedy Central na TV à cabo. Atualmente é possível assistir às quatro temporadas de “Todo Mundo Odeia o Chris” online pelo Globoplay.

Para celebrar mais de uma década e meia de existência de uma das melhores séries de comédias de todos os tempos, veja algumas curiosidades sobre “Todo Mundo Odeia o Chris”.

Curiosidades

• O bairro Bed-Stuy, onde se passa a série, é uma abreviação de Bedford-Stuveysant, que fica no Brooklyn, em NY.

• As 4 temporadas de “Todo Mundo Odeia o Chris” se passa entre os anos de 1982 e 1987.

• O nome do seriado foi baseado na série “Everyboy Loves Raymond” (Todo Mundo Ama o Raymond). Chris Rock disse que se todo mundo amava o Raymond, então todo mundo odiava o Chris.

• Terry Crews, o Julius, foi ex-jogador profissional de futebol americano.  Ele jogou no Los Angeles Rams, San Diego Chargers, Washington Redskins e no Philadelphia Eagles.

• O final da série, coincide com a época em que o pai de Chris Rock morreu, e que ele largou a escola e foi tentar a vida de comediante.

• No dia 22 de setembro de 2020, quando “Todo Mundo Odeia o Chris” completou 15 anos de existência, o ator Tyler James Williams contou o que realmente aconteceu no final da série.

• Segundo seu relato, Chris passou no supletivo e logo depois desistiu da escola para impulsionar sua carreira como comediante.

• Ainda sobre o final, Tyler disse que o último episódio foi uma paródia da série “Família Soprano”, que também foi exibida em 2009.

Curiosidades sobre ‘Todo Mundo Odeia o Chris’

• O verdadeiro nome da mãe de Chris Rock era Rosalie, não Rochelle.

• Rosalie ao contrário de Rochelle (que vivia largando empregos), era professora e assistente social.

• Chris Rock tem quatro irmãos: Charles, Tony, Kenny e Jordan.

• Tonia foi baseada no irmão de Chris, Tony Rock, que também é comediante. Ele fez o papel do tio Ryan na série.

• O nome verdadeiro do pai do Chris é Christopher Julius Rock II.

• O melhor amigo de Chris na escola se chamava David Moskowitz e não Greg Wullinger.

• O personagem Monk (Todd Bridges) participou da série Arnold (Diferent Strokes), na qual interpretava o irmão do protagonista, Willis.

• O ator Antonio Fargas, antes de Doc ser introduzido na série, apareceu como um açougueiro que roubava doces das crianças no Hallowen.

• O ator Vicent Martela, o Greg, dublou Phineas, de Phineas e Pherb; Hope em Final Fantasy XIII e seus derivados, além Jason Todd, em Batman: Under the Hood.

Curiosidades sobre ‘Todo Mundo Odeia o Chris’

• A nota que Chris tirou na prova no último episódio foi 735.  Ela aparece pintada no caminhão de Julius, quando ele está estacionando.

• Corleone e Tattaglia, nome das duas escolas que Chris estudou, são referências diretas a “O Poderoso Chefão”. A primeira, é a família em torno da qual a história de Mario Puzo se desenvolve, a segunda, é uma família mafiosa rival.

• Outra referência a “O Poderoso Chefão”, está no episódio “Todo Mundo Odeia a Semana da Primavera”, na qual Chris atropela Greg. No hospital, começam a relembrar dificuldades que já passaram, porém totalmente irreais. Uma dessas lembranças, é a homenagem a famosa “cena do Cannoli”, protagonizada pelo personagem Clemenza no filme.

• No episódio “Todo Mundo Odeia o Feriado”, a série faz uma paródia de “24 Horas”.

Curiosidades sobre ‘Todo Mundo Odeia o Chris’

• Chris Rock aparece na série, em um episódio interpretando o conselheiro escolar, Sr. Abbot, que tenta ajudar Chris com conselhos nada ortodoxos.

• A novela que Julius assiste com frequência é “The Young and Restless” (Os jovens e incansáveis).

• Após ver Chris em fazendo um número de stand-up, Eddy Murphy ficou impressionado, o ajudou e virou seu amigo. O primeiro papel em um filme que ele teve foi em “Um Tira da Pesada II”.

• Em 21 de novembro de 2010 a série alcançou a picos de 10 pontos, ficando assim na terceira posição absoluta, conseguindo ultrapassar a Band.

• A estreia da quarta temporada nos EUA rendeu a audiência de 2 milhões e 100 mil telespectadores.

• O último episódio da série, alcançou 1,8 milhão de espectadores nos EUA.

• “Todo Mundo Odeia o Chris” tem avaliação de 7.4 no IMDB, 88 no Metacritic e 95% no Rotten Tomatoes.

+ Aproveite para conhecer os segredos e bastidores de filmes marcantes do cinema.

E aí, curtiu?

Escrito por Bruno Fonseca

Fundador e editor-chefe do PL. Jornalista apaixonado por quadrinhos, filmes, games e séries.

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

Loading…

0
Drone faz imagens de reator de Chernobyl 34 anos após desastre

Drone faz imagens de reator de Chernobyl 34 anos após desastre

Curiosidades sobre o desenho "Steven Universo"

Curiosidades sobre o desenho “Steven Universo”