in

HQ do Dia | Novo Esquadrão Suicida #01

Entre o mês de abril e maio, a Panini deu inicio a fase “DC e Você” (originalmente DC You) no Brasil, e como parte dessa fase passou a publicar novas edições mensais de alguns dos títulos da editora americana. O Esquadrão Suicida, um dos grupos mais populares e, porquê não dizer, exóticos do Universo DC se beneficiou da iniciativa ao receber uma nova revista mensal de 60 páginas ao todo, que trazem, até então, duas histórias do título originalmente publicada nos Estados Unidos.

Em Novo Esquadrão Suicida #01, Amanda Waller escala Pistoleiro, Arraia Negra e Capitão Bumerangue em uma missão até o oriente médio, onde eles devem observar e descobrir informações vitais sobre A Liga, uma organização independente da Liga das Sombras que está começando uma guerra em busca de seus ideais moralmente distorcidos, enquanto que Arlequina, Flash Reverso e Parasita se responsabilizam pela fuga da equipe, quando assim necessário.

HQ do Dia | Novo Esquadrão Suicida #01

Inicialmente a edição se preocupa em situar os leitores na subtrama que percorreu edições anteriores enquanto que, submete o mesmo leitor a nova trama proposta para a equipe. Ou seja, se você for um leitor que está pegando o bonde em percusso, você será situado de forma rasa a subtrama que moldou as edições anteriores, mas também presenciando uma nova pegada “independente” de tais edições na nova aventura proposta.

O roteiro da nova trama proposta em Novo Esquadrão Suicida #01 assinado por Sean Ryan é inicialmente branda e calma, com a pegada de apresentar a missão e os componentes dela. No entanto, com o decorrer dos quadros a trama imerge a seriedade que persegue uma equipe que, em suma, faz jus ao Esquadrão Suicida. Tendo Pistoleiro, Arraia Negra e Capitão Bumerangue em primeiro plano como a “linha de frente”, Sean Ryan consegue dar uma boa equilibrada entre desenvolver essa linha de frente e os personagens de segundo plano da equipe, sendo eles Arlequina, Flash Reverso e Parasita.

A arte assinada por Philippe Brionis é padronizada, sem inovações e/ou destaques incríveis, mas agradável, combinando bem com o roteiro proposto para esta edição e tendo uma boa sintonia com as cores de Blond. É digno ressaltar que a capa de Novo Esquadrão Suicida #01 com arte assinada por Juan Ferreira é incrível, tornando a mesma em um atrativo e tanto para estampar na coleção.

Em suma, Novo Esquadrão Suicida #01 é uma edição inicial sem algo surpreendente e/ou inesperado, mas que com um bom roteiro e encorpamento entre arte e cores consegue se retratar em uma boa edição para se acompanhar mensalmente e ter guardada na coleção.

Adquira esse título e muitos outros na LIGA HQ! A loja que é parceira do Proibido Ler, envia qualquer quadrinho com frete grátis para todo o Brasil.

 

E aí, curtiu?

Escrito por Isaias Setúbal

All I hear is doom and gloom. And all is darkness in my room. Through the night your face I see. Baby, come on. Baby, won't you dance with me?

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

Loading…

0

Game of Thrones | Fãs lançam campanha no Kickstarter para consertar o núcleo de Dorne

Assassin’s Creed | Primeiro trailer do longa é divulgado