HQ do Dia | Lore Olympus: Histórias do Olimpo: 1 - Rachel Smythe
in

HQ do Dia | Lore Olympus: Histórias do Olimpo: 1 – Rachel Smythe

O mundo dos deuses está diferente, colorido, tecnológico e com requintes de maldade

Apresentar novas visões ou abordagens de mitos e histórias são ótimos pra nova geração. É uma forma de despertar o interesse e manter fatos históricos vivos. Sem perder a essência, sem reinventar os fatos, apenas adicionando recursos que temos hoje pra deixar tudo mais interessante. 

É exatamente o que a autora neozelandesa Rachel Smythe faz “Lore Olympus”, uma webtoom que fez tanto sucesso mundialmente, que passou a ser publicada em diversos países. Por aqui, o primeiro volume foi publicado pela Editora Suma e os segundo e terceiro volumes estão previstos pra outubro e começo 2023, respectivamente. 

HQ do Dia | Lore Olympus: Histórias do Olimpo: 1 - Rachel Smythe

Na história, Perséfone, a jovem Deusa da Primavera, acabou de chegar no Olimpo. Criada no reino mortal pela mãe de pulso firme, Deméter, ela recebe a permissão para viver no mundo dos deuses enquanto se prepara para seguir a vida como uma virgem sagrada.

Quando a amiga Ártemis leva Perséfone para uma festa, sua vida muda completamente: lá ela conhece Hades, e o charmoso e incompreendido líder do Submundo desperta nela uma chama. Agora, Perséfone precisa aprender a lidar com as relações e as políticas confusas que regem o Olimpo, enquanto descobre seu lugar e seu próprio poder.

O mais importante de “Lore Olympus” é o cuidado com o teor da história. Logo na primeira página segue um aviso sobre gatilhos que a mesma pode despertar no leitor, e se isso acontecer a orientação é que ele busque ajuda. Não há aqui um peso enorme nos acontecimentos do Olimpo, mas há passagens de abusos sexuais e outras situações que podem causar desconforto dependendo do leitor. Apesar de todo cuidado que Rachel tomou ao contar essa história, isso foi um ponto muito positivo. 

HQ do Dia | Lore Olympus: Histórias do Olimpo: 1 - Rachel Smythe

Em outros aspectos, “Lore Olympus” se destaca pelas cores vibrantes e distintas usadas para cada personagem. Perséfone, por exemplo, tem um rosa maravilhoso, enquanto Hades carrega um azul gelado característico do submundo. Nas cenas mais pesadas protagonizadas por Apolo, o tom chega quase no preto de tão escuro que fica e no Hermes, por exemplo, segue em tons mais quentes. 

Do ponto de vista narrativo, “Lore Olympus” vai agradar bastante a nova geração com o jeito mais corrido e simples de se contar a história. O uso de tecnologia entre os deuses e a abordagem de assuntos mundanos envolvendo toda a trama, também despertam um interesse ainda maior no leitor. 

Achei um caminho bacana pra se interessar mais por mitologia grega e ter os mitos de Perséfone e Hades, por exemplo, vistos de outro ponto de vista, mas com a mesma essência. 

O primeiro volume de “Lore Olympus” reúne 25 episódios do webcomic, além de um conto exclusivo e inédito. Se você se interessou o primeiro volume está disponível aqui

E aí, curtiu?

Escrito por Bruno Fonseca

Fundador e editor-chefe do PL. Jornalista apaixonado por quadrinhos, filmes, games e séries.

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Loading…

Loading…

0
Jogo do Hugo | Conheça como era o primeiro game interativo da TV

Jogo do Hugo | Conheça como era o primeiro game interativo da TV

Como os jogos podem divertir e ajudar no desenvolvimento de novas habilidades

Como os jogos podem divertir e ajudar no desenvolvimento de novas habilidades