Quadrinhos para ler antes de ver Homem Aranha: Longe de Casa

“Homem-Aranha: Longe de Casa” (2019) encerra de vez a terceira fase da Marvel nos cinemas. Podemos esperar muitas coisas boas desse novo filme do cabeça de teia, apresentação de novos vilões e quem sabe até mesmo do multiverso. Sem esquecer das consequências do legado de Tony Stark na vida de Peter Parker.

Para trazer uma reflexão maior, selecionei alguns quadrinhos para deixar você preparado para o filme. Alguns podem ser usados como certas influências e um maior aprofundamento no vilão Mystério, que apesar de ser conhecido pelos fãs do cabeça de teia, o grande público desconhece sua importância na vida heroica de Peter Parker.

Homem-Aranha: Nunca Mais! (1963)

Com a morte de Tony Stark (Spoilers!!!), mentor e figura paterna, não sabemos se Peter ainda deseja ser o amigo da vizinhança, talvez espera dar um tempo na vida de herói e aproveitar os amigos e amores.

Publicada em 1967, a história mostrava um Peter Parker cansado de ser Homem-Aranha que acaba deixando seu uniforme e começa sua vida normal.  Porém, percebe que mesmo afastado dessa vida, o mundo ainda carece do Aranha, é aqui que com grandes poderes vem grandes responsabilidades.

Aranhaverso (2015)

Depois que “Vingadores Ultimato”(2019) mexeu com as linhas temporais, isso pode abrir o leque para apresentação do famoso multiverso da Marvel, ainda mais no trailer com a revelação do Mystério ser de outra terra. As consequência podem ser maiores para a vida de Peter.

“Aranhaverso” foi uma saga lançada em 2015, onde diferentes versões de Homens-Aranhas do multiverso  precisam se unir para impedir uma ameaça em comum. Foi nesse arco que a Gwen-Aranha ganhou notoriedade e teve seu título próprio depois, mesmo com Miles Morales e outros aranhas, o foco da história é mesmo Peter Parker que precisa comandar a todas suas versões alternativas.

Leia mais: Origens e Evoluções | Homem-Aranha

Espetacular Homem-Aranha: Primeira Aparição de Mystério (1963)

Mysterio é um dos grandes vilões na extensa galeria de vilões do personagem. Não se deixe enganar pelo jeito bobão que reflete até mesmo em sua roupa com um aquário na sua cabeça, pois ele é um dos maiores contadores de mentira que você conhecerá em sua vida ou na do Peter. Capaz de usar suas artimanhas tecnológicas para criar ilusões, ele já deixou nosso herói e até mesmo o Demolidor em muitas enrascadas.

Quentin Beck foi ator e especialista em efeitos especiais fracassado em sua carreira, ao perceber que poderia usar suas artimanhas para o mal, decide plantar a discórdia em Nova York, ainda mais com o Homem-Aranha. Ele se passa pelo personagem para efetuar roubos e acabar com a imagem do herói criada pela sociedade, o que proporcionou na época até mesmo uma aliança com ninguém menos que J.J. Jameson. Pode isso, Arnaldo?

Sexteto Sinistro

 

Com a inclusão de Mystério em Longe de Casa, essa pode ser a porta para o Sexteto Sinistro em futuros filmes. Abutre e Escorpião apareceram no filme anterior. Podemos esperar a enorme galeria de vilões do personagem armando contra ele.

O grupo foi criado por Doutor Octopus, cansado de ser sempre derrotado, juntou os outros vilões para um único objetivo: derrotar o Aranha.  Sua aliança foi feita com Abutre, Rhino, Mystério, Electro e Kraven.  Além de destruir o herói, eles queriam ter uma parcela do controle de Nova York. Reformulado várias vezes durante as edições, sempre com os mesmos motivos de dominação da cidade e apanhar do cabeça de teia.

Leia mais: Homem-Aranha: Longe de Casa (2019) | Ação e bom humor seguram novo filme

Ultimate Homem-Aranha: Confissões (2002)

 

Tia May descobriu no último filme que Peter é o Homem-Aranha, agora imagine isso sendo espalhando para o mundo inteiro, nos cinemas ele é o único que ainda não teve sua identidade revelada. Nos quadrinhos isso aconteceu no arco da Guerra Civil, o que deixou a vida do personagem um inferno, como a perseguição de alguns e vilões e a proteção dos seus entes queridos.

A história de Confissões acontece no universo Ultimate da Marvel, um título que foi criado para trazer uma nova origem a alguns e dar uma repaginada para a nova geração de leitores nos anos 2000.Peter revela a Mary Jane que é o Homem-Aranha. Acreditando ser uma enorme brincadeira, ela caia nas gargalhadas, apenas acredita em Peter quando ele anda pelas paredes.  Foi nessa edição que nasceu o amor entre os dois, ainda mais com a confiança em revelar um enorme segredo.


VEJA TAMBÉM:

COMENTE:

© 2019 Proibido Ler. Todos os direitos reservados.