Um amor chamado Keanu Reeves

De ator mais underground e subestimado à queridinho de todos, Keanu Reeves se tornou o amor platônico do momento. Ele não é um dos melhores atores de sua geração, mas com certeza é um dos mais simpáticos. O que poucos sabem é que por traz de seu sorriso existe uma história triste.

Keanu Charles Reeves nasceu em 2 de setembro de 1964 no Líbano. Sua mãe tem origem britânica e é figurinista enquanto seu pai é geólogo com descendências de chineses. Com pais separados ele cresceu em Nova York, mas foi somente quando se mudou para Toronto que decidiu estudar Artes, que nunca chegou a terminar devido a sua expulsão.

Ficou muito consagrado ao estrelar “Velocidade Máxima” (1994) ao lado de Sandra Bullock, um dos papéis que abriu seus caminhos no estrelato a Hollywood, porém nem sempre escolhia os melhores papéis e aceitava oportunidades muitas pequenas. Foi apenas em “Matrix” (1999) que o mundo o reconheceria de vez, um dos filmes que abriu mentes na ficção cientifica.

Em qualquer dos seus papéis ele sempre fui muito focado, dava seu melhor não importasse seu desenho, até mesmo em “Matrix” (1999) decidiu executar todas coreografias de lutas sozinho, antes mesmo de protagonizar o longa ele operou a coluna, o que fez muitos coreógrafos na época mudara as lutas para fazer Keanu levantar sua perna sem se machucar, não é à toa que esse desempenho é notável também seus últimos filmes, como a trilogia John Wick.

Leia mais: Um amor chamado Katheryn Winnick

Apesar de grandes conquistas, o ator enfrentou grandes perdas e conflitos em sua vida como a morte de River Phoenix (irmão de Joaquim Phoenix), a morte de seu filho ainda na barriga de sua ex-namorada Jennifer Syme, que anos mais tarde morreria em um acidente de carro, e o câncer de sua irmã que a levou também a morte, coisas que até hoje deixam Keanu Reeves abalado. Em uma recente entrevista ele até declarou que não tem ninguém em sua vida.

Sua grande humildade conquistou o público, passaram a pipocar fotos que destacava sua gentileza em locais públicos e em recentes entrevistas. Gerando até uma religião dos seus fãs com o “Keanuismo”, coisa que o ator não aprovou muito, devido a não querer tanto holofotes para si, ele apenas deseja levar uma vida tranquila com um sorriso contagiante.

Leia mais: Um amor chamado Chloë Grace Moretz

Como Keanu Reeves é uma pessoa ausente das redes sociais (certo ele), selecionamos algumas imagens do seu ensaio fotográfico realizado para revista GQ Magazine.


VEJA TAMBÉM:

COMENTE:

© 2019 Proibido Ler. Todos os direitos reservados.