Liga da Justiça: Snydercut (2021) | Duas hora era suficiente e seria um ótimo filme
in

Liga da Justiça: Snydercut (2021) | Duas horas eram suficientes e seria um ótimo filme

Zack Snyder esqueceu da objetividade e simplicidade para criar uma boa história

A versão de “Liga da Justiça” do diretor considerado visionário pelo seus fãs, finalmente chegou. No final, nem precisamos do HBO Max e nem dos cinemas.

Mas o que o fã vai encontrar nesta versão tão esperada para este ano? Bom, se você que estiver lendo curte o trabalho do diretor Zack Snyder, vai amar. Se você é fã da Liga da Justiça e queria um filme digno e muito melhor que o lançado em 2017 e dirigido por Joss Whedon, também vai amar. Afinal de contas, não era muito difícil fazer uma versão melhor que a do diretor que pegou o projeto pelo caminho e teve o desafio de dar um sentido e um desfecho.

Levando em consideração esses pontos, pode ir tranquilo e se apaixonar por “Liga da Justiça: Snydercut”.

Por outro lado, o longa tem excessos demais. Seja por sua duração, pelas cenas em câmera lenta ou pela forma como a narrativa se desenvolve.

É cansativo ter que encarar as assinaturas de direção como se fossem algo que deixassem a história melhor. E não, os excessos de câmera lenta, a tela 4:3 e a escuridão das cenas não são elementos que contribuem o tempo todo para uma experiência melhor. Mas há pontos interessantes a serem levantados.

Liga da Justiça: Snydercut (2021) | Duas hora era suficiente e seria um ótimo filme

O que fizeram com Victor Stone em “Liga da Justiça” (2017) foi um crime e isso todo fã deve saber, mas quem não sabe é só pesquisar um pouco sobre o desenrolar das tretas envolvendo as declarações do ator Ray Fisher nos meses que sucederam ao lançamento do filme lançado há quatro anos. Snyder não só reparou esse grandioso erro, como deu ao Cyborg um protagonismo digno. Eu queria muito ver um filme solo do herói pintando por aí.

Aquaman é outro ponto digno de elogio. Jason Momoa como Arthur Curry neste filme surpreende. Não só pelo fato de ter perdido o tom cômico, como ter sido um personagem mais sólido e mais bem desenvolvido.

As cenas das batalhas das amazonas e da luta contra o Lobo da Estepe já próximo ao fim, também estão ótimas. Mas acaba aqui! O restante é brega, mórbido, cheio de exageros, coisas sem sentido, trilhas e efeitos sonoros especiais que não combinam com nada como, por exemplo, toda  hora em que a Mulher-Maravilha está em ação. Falando nela, pela primeira vez eu vi alguém transformá-la em uma heroína bem longe da sua essência. Ela nunca mataria ninguém diante de crianças, NUNCA!

O que foi feito com Superman também me incomodou demais e isso vem lá de “Homem de Aço” (2013). Aqui, a coisa piora a níveis que eu sinto até vontade de chorar só de lembrar.

Liga da Justiça: Snydercut (2021) | Duas hora era suficiente e seria um ótimo filme

Por fim, “Liga da Justiça: Snydercut” poderia ter duas horas a menos e seria um ótimo filme. Daria para tirar todas as firulas, o excesso de slowmotion e colocar de volta a esperança no Superman e brilho em uma heroína como Diana Prince.

Recorde de vendas

“Liga da Justiça: Snydercut” chegou ao NOW na última quinta-feira (18) e já se tornou um dos maiores sucessos de vendas no streaming da Claro. O super longa, que conta com 4 horas de duração, chega à sessão de “Super Lançamentos” do NOW com uma performance de 140% a mais do que o último filme de sucesso da plataforma, “Mulher Maravilha 1984”.

Estamos falando apenas de um dos canais que exibem o filme mediante ao pagamento de R$ 49,90. Isso provavelmente deve ter acontecido nas outras plataformas como o Google Filmes, Vivo Play, PSN, Xboxlive, etc.

Se puder e quiser, claro, recomendo assistir a versão dublada para fortalecer o trampo dos dubladores brasileiros. A dublagem está sensacional. Tem até o Coringa dublado pelo Adam Sandler (entendedores entenderão).

Rotten Tomatoes e Imdb

Liga da Justiça: Snydercut (2021) | Duas hora era suficiente e seria um ótimo filme

Pela primeira vez, um filme do Zack Snyder com os super-heróis da DC ultrapassa a marca dos 60% de avaliação da critica especializada.

Liga da Justiça: Snydercut (2021) | Duas hora era suficiente e seria um ótimo filme

No Imdb, outro site muito usado para consultar a aceitação de um filme em termos de publico e critica, “Liga da Justiça: Snydercut” está com nota acima de 8. Isso é ótimo se comparado a seus outros trabalhos com a galera da DC. Confirma também que independentemente da minha opinião, o filme é um sucesso. Então pode ficar tranquilo, que eu entendo o que importa nisso tudo. Precisa ficar com raiva de mim não. Ok?

Onde assistir

“Liga da Justiça: Snydercut” está disponível desde o dia 18 e ficará por tempo limitado para locação nas plataformas digitais brasileiras como Apple TV, Claro, Google Play, Looke, Microsoft, Playstation, Sky, Uol Play, Vivo e WatchBr, com preço sugerido de R$ 49,90 – podendo variar de acordo com a política comercial estabelecidas por cada plataforma digital.

A partir de junho deste ano, o filme estará disponível exclusivamente para streaming na HBO Max, após o lançamento da plataforma no país. Para mais informações clique aqui.

E aí, curtiu?

-17 points
Upvote Downvote

Escrito por Bruno Fonseca

Jornalista, apaixonado por quadrinhos, filmes, séries e retrogames. Espero que você alcance o sétimo sentido em todos os âmbitos da vida.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

Loading…

0

7 games de PS1 que merecem remake

Free Fire | Guia completo para jogar no emulador BlueStacks