Are We There Yet? | Narrativa suave e bom humor marcam o sitcom
in

Are We There Yet? | Narrativa suave e bom humor marcam o sitcom

Conquistar os filhos do parceiro vai ser uma grande e divertida aventura

Inspirado no filme homônimo lançado em 2005, “Are We There Yet?” fez sua estréia na TV como sitcom em 2010. A série retrata as aventuras familiares de Nick e Suzanne que são casados há seis meses, e percebem que não é tão simples unir as famílias. Os filhos de Suzanne preferem sair com os amigos do que se conectar com Nick, enquanto sua mãe não aceita o casamento e seu novo papel de avó.

Mas com três temporadas e nada mais e nada menos do que 100 episódios na conta, seria “Are We There Yet?” uma boa série para maratonar durante o período de isolamento? Se liga.

Are We There Yet? | Narrativa suave e bom humor marcam o sitcom

“Are We There Yet?” tem uma galeria de personagens diversos que basicamente dão vida ao sitcom com um elenco de ótimo atores. Se já não bastasse terem carisma de sobra, eles ainda trazem atuações envolventes para seus problemas – não importando o quão doido possam parecer.

De qualquer forma, é muito legal ver como a dinâmica entre as relações apresentadas na série ocorrem, sejam elas focadas em contextos matrimoniais, parentais, familiares e/ou de amizade. Dinâmica essa, que ao meu ver, muito pincela alguns clichês característicos do gênero, ainda que não necessariamente se limitem somente a isso.

Are We There Yet? | Narrativa suave e bom humor marcam o sitcom

Faz muito tempo desde a última vez que assisti algo como “Are We There Yet?”, visto que tanto a estrutura quanto a narrativa da série soam com uma pegada mais clássica característica desse tipo de seriado. E por “clássico” eu me refiro a séries como “Eu, a Patroa e as Crianças”, por exemplo.

Dito isto, é de se imaginar que o sitcom traga uma proposta de narrativa suave e marcada pelo  bom humor. Mas não só a proposta é bem feita e encaixada aqui, como sua execução também é. Evidenciando esse ponto tanto nas intros dos episódios (uma das minhas favoritas, por sinal), como nos momentos de conflito da série.

Então sim, “Are We There Yet?” é uma boa pedida para quem quer assistir algo com episódios de meia hora sem abrir mão de uma narrativa minimalista e bem humorada.

“Are We There Yet?” está disponível no Prime Video.

E aí, curtiu?

Escrito por Isaias Setúbal

All I hear is doom and gloom. And all is darkness in my room. Through the night your face I see. Baby, come on. Baby, won't you dance with me?

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

Loading…

0

Tony Hawk’s Pro Skater 1 + 2 | O jeito ‘skate’ de renovar um clássico

20 artes incríveis de capacetes de séries tokusatsu

20 artes incríveis de capacetes de séries tokusatsu