A Menina Submersa

Suspense, terror e questionamentos sobre a realidade

A Menina Submersa chegou aqui no Brasil pelas mãos da DarkSide® Books e recebeu um tratamento maravilhoso. O livro escrito por Caitlín R. Kiernan possui uma edição simples e uma mais luxuosa, com artes fantásticas. Publicado originalmente em 2012, a história é simples e ao mesmo tempo complexa, assim como a escrita de Kiernan.

“Vou escrever uma história de fantasmas agora”, ela datilografou. 

“Uma história de fantasmas com uma sereia e um lobo”, datilografou mais uma vez.

Eu também datilografei. 

Acompanhamos a protagonista, India Morgan Phelps, ou Imp, como gosta de ser chamada, nesse suspense ondeA Menina Submersa | Suspense, terror e questionamentos sobre a realidade tudo pode não passar de uma fantasia. Digo isso porque nossa heroína sofre de esquizofrenia e deixa isso claro logo no começo da narrativa. Isso faz dela uma narradora não muito confiável, mas extremamente interessante. Ela mora com Abalyn, uma mulher transexual que é sua namorada e amante. Uma noite, enquanto dirigia, encontra Eva, uma misteriosa mulher nua na estrada. A missão de Imp, e consequentemente a nossa também, é descobrir quem e o que exatamente é essa mulher. Um fantasma? Uma sereia? Talvez um lobisomem?

Imp é uma personagem muito carismática, inteligente e cativante, que faz o leitor se importar com ela. Mas ao mesmo tempo, possui uma doença mental que faz com que questionemos até que ponto estamos lendo um livro de fantasia. É interessante falar que o livro se apresenta como um livro. Quer dizer, é um livro dentro de um livro, que por vezes faz o leitor imaginar se é realmente uma história, um diário ou talvez uma peça de teatro.

A escrita de Kiernan, por vezes, beira a poesia. Não é uma escrita difícil, mas ao mesmo tempo, é mais elaborada do que o comum. Na contracapa do livro a autora é comparada a Edgar Allan Poe e H.P. Lovecraft. Essa é uma boa comparação, pois embora a história não chegue à genialidade desses escritores, o clima é muito parecido. É uma das histórias mais próximas a isso que li nos últimos tempos. Como se trata do primeiro livro que li da escritora, não sei dizer se ela possui essa mesma qualidade em todas as suas histórias. Contudo, posso garantir que em A Menina Submersa sua narrativa prende e cativa.

“Este livro é o que é, o que significa que ele pode não ser o livro que você quer que seja.” – Caitlín R. Kiernan

A Menina Submersa | Suspense, terror e questionamentos sobre a realidade
Essa não é uma história sobre respostas. Como dito acima, é uma busca por respostas. É sobre as perguntas. Se você procura algo mastigado e entregue de colher, talvez este livro não seja a melhor escolha. Se você quer aproveitar uma viagem eletrizante repleta suspense, terror e questionamentos sobre a realidade, mergulhe nesta aventura. É o tipo de história que merece ser discutida e interpretada em uma roda de amigos.

A Menina Submersa, vencedor do prêmio Bram Stoker, é uma história para quem gosta um bom suspense envolvendo lendas urbanas e uma narrativa não linear que testará a credibilidade de todos os seus personagens. Há realmente um louco nesta história? Prepare-se para ser questionado.

Leia também: A Noiva Fantasma | Um mergulho no mundo sobrenatural oriental


Gostou? Tem mais:


VEJA TAMBÉM:

COMENTE:

© 2019 Proibido Ler. Todos os direitos reservados.