Padmé Amidala | 5 cenas cortadas e como prejudicaram a personagem

Leia em: 5 minutos

Padmé Amidala (Natalie Portman) foi bastante prejudicada durante o processo de edição dos filmes “Star Wars Episódio II: Ataque dos Clones” (2002) e “Star Wars Episódio III: A Vingança dos Sith” (2005). A personagem foi uma das mais apagadas em ambos os filmes, com subtramas inteiras excluídas, que drasticamente prejudicaram suas motivações pessoais e sua importância para a saga como um todo.

Todas as cenas cortadas de Padmé estão disponíveis nos dois vídeos abaixo:

Star Wars Episódio II: Ataque dos Clones (ADC):

Star Wars Episódio III: A Vingança dos Sith (AVDS):

5. “A Stirring in the Senate (Bail’s Office)” (AVDS; 07:24-09:22)

padme-amidala-5-cenas-cortadas-e-como-prejudicaram-a-personagem (4)

Três grandes cenas foram cortadas de AVDS que mostram a origem da Aliança Rebelde, nas quais Padmé foi uma personagem-chave. Nesta cena, Padmé conspira com os Senadores Bail Organa, Mon Mothma e outros para deter os crescentes poderes de Palpatine numa reunião no gabinete de Bail Organa. Um aspecto importante de Padmé que foi apagado do filme por causa desses cortes, foi sua posição como inimiga política de Palpatine.

4. “Padme’s Bedroom” (ADC; 12:06-13:28)

padme-amidala-5-cenas-cortadas-e-como-prejudicaram-a-personagem (3)

Essa cena, se mantida no filme, teria ajudado muito o público na compreensão do romance entre Anakin e Padmé, porque mostra um pouco passado dela, desenvolvendo a personagem. Na cena, Padmé conta para Anakin as histórias por trás das holografias penduradas nas paredes de seu quarto. Em uma delas, ela está exuberante e alegre abraçando duas crianças alienígenas. Em outra, está rígida e reservada, pronta para o seu primeiro dia como legisladora júnior. Aquelas crianças que ela estava abraçando faziam parte de uma espécie cujo sol estava prestes a explodir; Padmé participava de um projeto para salvar as crianças, mas elas não conseguiram se adaptar fora do próprio mundo e acabaram morrendo. Padmé teve que aprender a lidar com dor, impotência, extinção e culpa antes de ter completado dez anos de idade, e mesmo assim se tornou uma boa pessoa.

3. “Padme Addresses the Senate” (ADC; 00:01-01:58)

padme-amidala-5-cenas-cortadas-e-como-prejudicaram-a-personagem (1)

“Meus nobres colegas. Há menos de uma hora atrás, uma tentativa de assassinato foi feita contra a minha vida.”

Menos de uma hora atrás! Alguém tenta assassiná-la, ela perde um amigo (e aparentemente outros seis), e sem pensar duas vezes, ela imediatamente vai encarar o Senado inteiro. Isso sem contar que ela provavelmente já sabe que um dos seres naquele local provavelmente é o responsável pelo crime.

Além de reforçar a coragem e o compromisso da personagem, esta cena teria reforçado o papel dela como inimiga política de Palpatine e ajudaria o público a entender que Padmé tinha transicionado de rainha para senadora.

2. “Padme’s Parents House” (ADC; 09:00-12:05)

padme-amidala-5-cenas-cortadas-e-como-prejudicaram-a-personagem (2)

Cortar esta cena, assim como a cena do quarto, foi muito prejudicial para a personagem, já que foram algumas das poucas cenas que mostram um outro lado dela, dando-lhe um pouco mais de desenvolvimento e adicionando profundidade ao romance entre ela e Anakin. A cena apresenta o público à mãe de Padmé, ao pai, irmã e sobrinhas, e como é sua relação familiar. Além da mudança no vestuário, há uma mudança em sua personalidade também (provavelmente é um dos únicos momentos em que se pode ver Padmé sendo “ela mesma”) e ela não mais mantém uma postura rígida, apenas se preocupa em ser uma filha/irmã. Imediatamente ela deixa escapar um “Estamos morrendo de fome!” para a mãe, revira os olhos para a irmã e fala sobre Anakin com as mulheres da sua família, como qualquer garota da sua idade faria. Enquanto isso, Anakin tem uma conversa com o pai de Padmé, que se mostra preocupado com sua segurança – e isso poderia ser fundamental para que o público entendesse o que se passava pela cabeça de Ani quando se deixou seduzir pelo Lado Negro.

1. “Seeds of Rebellion (Padme’s Apartment)” (AVDS; 09:23-10:25)

padme-amidala-5-cenas-cortadas-e-como-prejudicaram-a-personagem (5)

Cenas cortadas envolvendo Padmé e o seu envolvimento com as origens da Aliança Rebelde foram, sem dúvida, o maior desserviço feito contra a personagem em toda a saga. No filme ainda é possível deduzir que ela ajudou a Aliança Rebelde, já que ela é bastante próxima de Bail e Mon, além de ser uma grande defensora da liberdade. Mas o público não deveria ser obrigado a deduzir isso (até porque nem todo mundo conseguiu, e a personagem acabou prejudicada e reduzida a algo muito inferior do que realmente é), se pelo menos uma das cenas que mostram Padmé envolvida com a Rebelião fossem mantidas no corte final.

Tendo Padmé como uma fundadora – explícita – da Aliança Rebelde, Leia liderando-a e Luke unindo-se à mesma, toda a saga se torna muito mais profunda e poderosa – assim como a luta contra Darth Vader. Assim como dá mais profundidade à resolução do “pecado” de Padmé: ser aquela que elegeu Palpatine como chanceler. A trilogia original poderia ser a história dos filhos de Padmé e Anakin corrigindo os maiores erros dos seus pais – Leia na política, enquanto Luke corrige a bagunça que seu pai fez com os Jedi.


No fim das contas, nós, fãs das personagens femininas de Star Wars, só temos a agradecer pela franquia estar nas mãos da Disney. Apesar de George Lucas ter feito um trabalho legal com a trilogia original, o velho perdeu a mão com a segunda trilogia e uma das maiores prejudicadas – senão a maior – foi Padmé.