As ideias de Rashid e a Música Pop Brasileira na Bienal do Livro de São Paulo

Há uma década fazendo história no RAP nacional, Michel Dias Costa, mais conhecido como Rashid, estará na 25ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo, para falar das “Ideias que rimam mais que palavras – Vol. 1”, primeiro livro com sua assinatura, lançado em maio deste ano. Com o título, o rapper agora entra para o mundo da literatura como autor, depois de tantos anos sendo inspirado pelos benefícios da leitura.

Ideias que rimam é descomplicado. Rashid conta sua história enquanto visita algumas letras do começo de sua carreira e faz isso com a mesma levada das poesias, a instiga de um bom storytelling. No livro, no entanto, nem tudo é beleza ou só freestyle: Rashid divide técnicas de rimar, como escreveu (e superou) algumas de suas barras e como passou todos os dias dos últimos 15 anos com o foco na missão de quem quer transformar realidades.

Em uma nova maneira de exercitar o uso da caneta, objeto que o acompanha há tanto tempo, Rashid faz o leitor sentir a escrita como se fosse música, numa leitura tocante sobre uma história de luta verdadeira. Este livro, que dá a deixa de que outros virão, é o triunfo de uma mente que escolheu brilhar não importasse a escuridão.

Se você vai à bienal, a dica é assistir ao painel que terá a participação de Rashid, no Salão de Ideias “Música Pop Brasileira”.

O encontro discute a influência da música pop internacional na cultura musical do Brasil e traça perspectivas diferentes sobre o assunto com autores, pesquisadores e artistas. Junto a Rashid, a mesa reúne Larissa Ibúmi Ferreira, historiadora e escritora feminista, autora do livro Vozes Transcendentes (2018), Julio Ludemir, escritor, jornalista, roteirista e um dos idealizadores do filme “Batalha do Passinho”, e Antônio Maurício, professor e estudioso da música e tradições culturais do Pará.

Põe na agenda

O quê? Rashid na Bienal do Livro de São Paulo estará no Salão de Ideias “Música Pop Brasileira”.

Quando? Segunda-feira, 6 de agosto – das 15h às 16h.

Onde? Pavilhão do Anhembi | Av. Olavo Fontoura, 1209 – São Paulo

Quanto? R$10 (meia) | R$20 (inteira) – o ingresso garante circulação por toda Bienal. À venda pelo link: https://www.totalacesso.com/Shopping/Cart/1667


VEJA TAMBÉM:

COMENTE:

© 2018 Proibido Ler. Todos os direitos reservados.