Curiosidades sobre “Pequenos Guerreiros” (1998)

Leia em: 6 minutos

Pra quem é apaixonado por bonecos, hominhos ou “action-figure”, assistir à “Pequenos Guerreiros” (1998) no cinema foi maravilhoso. Ver bonequinhos trocando porrada nas telonas e fazendo parte do universo de uma criança, era quase o mesmo que ver as brincadeiras dela ganhando vida. 

Estreado no Brasil em 2 de outubro de 1998, dirigido por Joe Dante (Gremlins e Gremlins 2) “Pequenos Guerreiros” (Small Soldiers) conta a história da Globotech, um grande conglomerado que, entre outras atividades, faz armas para o Departamento de Defesa dos Estados Unidos. Decidida a investir em outros ramos, ela compra a Heartland, uma fábrica de brinquedos. Gil Mars (Denis Leary), o presidente geral, quer que os designers façam brinquedos mais realistas, que tenham praticamente vida própria e usem bateria de lítio, para nunca precisarem de pilhas. Depois de três meses, os brinquedos estão prontos e o resultado são figuras de ferozes soldados – o Comando Elite – que foi programado para destruir os Gorgonóides, alienígenas que não oferecem nenhum perigo. Joe (Dick Miller), um entregador da Heartland, deixa alguns destes brinquedos na pequena loja de Stuart Abernathy (Kevin Dunn), que está indo à falência. À noite o Comando Elite sai de suas caixas e recebe ordem do seu líder, Chip Hazard, para atacar os Gorgonóides e os humanos.

Curiosidades sobre "Pequenos Guerreiros" (1998)

Agora que você se lembrou da história e de quantas vezes assistiu ao filme na “Sessão da Tarde” ou deu uma passada na locadora para assistir em DVD, veja abaixo curiosidades sobre o filme “Pequenos Guerreiros”

• O diretor Joe Dante queria que o elenco de “O Predador” (1987) dublasse o Comando Elite. Arnold Schwarzenegger dublaria Chip Hazard, Shane Black dublaria Kip Killagin, Carl Weathers dublaria Butch Meathook, Jesse Ventura dublaria Brick Bazooka, Sonny Landham dublaria Nick Nitro e Bill Duke dublariam Link Static.

• Mas na realidade, Tomy Lee Jones ficou com a voz de Chip, o ator Frank Langella dublou Archer, Ernest Borgnine fez Kip Killigan e Clint Walker deu voz à Nick Nitro. 

Leia mais: O Show de Truman (1998) | Uma sombra na minha vida durante décadas

Curiosidades sobre "Pequenos Guerreiros" (1998)

“Pequenos Guerreiros” contou com músicas de Led Zeppelin, uma banda bem rigorosa sobre como suas músicas são usadas em filmes, jogos e outras mídias.

• Os produtores e a equipe de efeitos especiais, se reuniram com a Hasbro para entender melhor o funcionamento de alguns brinquedos, principalmente os bonecos. 

Curiosidades sobre "Pequenos Guerreiros" (1998)

• Os Gorgonóides foram influenciados pela linha de brinquedos “He-Man e os Mestres do Universo”, da Mattel. 

• Enquanto os veículos foram influenciados pela franquia Mad Max. 

• A galera do Comando de Elite foi influenciada pela linha G.I Joe, da Hasbro.

• Irwin diz a Larry que recebeu a senha do computador “Gizmo”, uma referência a “Gremlins” (1984) e “Gremlins 2: A Nova Turma” (1990), também dirigida por Joe Dante. Um brinquedo Gizmo é visto mais tarde numa lixeira junto com os Gorgonóides. 

• A piranha ao lado do computador de Alan é uma referência ao longa “Piranha” (1978), também dirigida por Joe Dante4 .

• Nos efeitos especiais do filme, Joe Dante afirmou: “Estávamos planejando usar muitos bonecos da produção. Ela havia feito bonecos muito elaborados que podiam fazer muitas coisas, mas, na prática, descobrimos que era muito mais simples e mais barato deixar o pessoal do CGI fazer o trabalho.

Leia mais: Curiosidades sobre Power Rangers: O Filme (1995)

Curiosidades sobre "Pequenos Guerreiros" (1998)

“Pequenos Guerreiros” teve um terço do filme gravado com marionetes e o restante ficou com a galera dos efeitos especiais. 

• Depois que Nick Nitro é desligado, Chip Hazard diz: “Sua bateria acabou, mas sua memória vai continuar, indo e indo.” É uma referência ao slogan de marketing da Energizer, “Ele continua, continua, continua e continua”.

“Pequenos Guerreiros” se passa na cidade de Winslow Corners, Ohio, e os produtores tentaram representar com precisão o nordeste do estado. Alan passa de bicicleta em uma banca de jornais que vende “The Plain Dealer”, um jornal de Cleveland. Quando ele deixa seu número de telefone no sistema de correio de voz da Globotech, seu código de área é 330, usado na área de Akron. O caminhão de entrega da Heartland parece ter placas de Ohio ao estilo dos anos 90.

Leia mais: Rodrigo Moreno: ‘eu carregava meu Falcon para onde eu ia’

Curiosidades sobre "Pequenos Guerreiros" (1998)

• Frank Langella interpretou o vilão Esqueleto em “Mestres do Universo” (1987). Ele dubla o protagonista dos Gorgonóides, como disse acima, personagens que foram influenciados por He-man.

“Pequenos Guerreiros” foi o primeiro filme da DreamWorks Pictures a ser coproduzido com a Universal Pictures. Ele também é o primeiro filme de ação em live-action da DreamWorks a ser classificado como PG-13 (filme classificado para crianças com mais de 13 anos).

• Kirsten Dunst e Phil Hartman também estiveram juntos na a animação do Studio Ghibli, O Serviço de Entregas da Kiki” (1989). Ela dublou a Kiki, enquanto Hartman deu voz ao gatinho Jiji. 

Curiosidades sobre "Pequenos Guerreiros" (1998)

• Embora tenha sido originalmente feito para um público adolescente mais maduro, antes de ser revisado para atrair um público muito mais jovem, ao assisti-lo recentemente, é possível compreender que “Pequenos Guerreiros” se aproxima mais de uma sátira à linha de brinquedos de guerra. Os avanços tecnológicos pela qual estamos vivendo no momento, dão ao filme um tom realista mais assustador, em que anteriormente a história poderia ser facilmente descartada como fantasia, já que os robôs agora se movem tão fluidos quanto os bonecos do filme. 

• Todos os comandos têm alguma semelhança com seus dubladores.

Leia mais: Curiosidades sobre “Jumanji” (1995) 

Curiosidades sobre "Pequenos Guerreiros" (1998)

• Tommy Lee Jones (que dubla Chip Hazard), sofre queimaduras terríveis na metade do filme em um lado do rosto. Isso é uma referência ao papel de Jones, o Duas Caras, em “Batman Eternamente” (1995).

• A equipe de produção começou a desenhar os personagens dos brinquedos, em papel e em esculturas, apenas cinco meses antes do início das filmagens. Devido a um acordo feito com a Hasbro para produzir em massa uma linha de brinquedos “Small Soldiers”, pois eles tinham que ser lançados juntos com o filme. Todos os outros aspectos da produção foram submetidos a um cronograma semelhante.

• Foram usados mais de 200 bonecos em apenas quatro meses para gravar “Pequenos Guerreiros”