Nós temos muita sorte de vivermos para prestigiar Stan Lee

Quando eu era mais nova e minha onda era escutar bandas de rock das antigas, meu pensamento era “eu nasci na época errada”. Hoje, já adulta, eu penso totalmente o contrário. A internet, a televisão, o cinema, a tecnologia, entre outras tantas coisas, me fazem amar esta época. Mas um cara, em especial, me faz sentir extremamente sortuda por isso: Stan Lee.

Stan Lee, meu escritor, editor, publicitário, produtor e empresário favorito, que junto aos demais profissionais dos quadrinhos da Marvel, transformou a Marvel Comics, de uma pequena editora de HQs, para uma das maiores corporações multimídia de entretenimento do mundo, e criou grandes ícones dos quadrinhos (e, posteriormente, da televisão e do cinema) como o Homem-Aranha, Hulk, Homem de Ferro, X-Men, Demolidor, Thor, Doutor Estranho, Os Vingadores e Quarteto Fantástico. Esse cara que revolucionou a história dos quadrinhos, partindo ao meio o conceito de super-heróis “invencíveis” e “indestrutíveis”, criando os heróis humanizados.

Stan+Lee+Thor+Dark+World+Premieres+Hollywood+fYAvf9LarD_l

Antes que algum crítico chegue aos comentários, sei que ele está longe de ser um cara perfeito. Brigas com outros criadores (levando-os a se demitirem), estrelismo, já ter sido mandado embora da Marvel e somente após um tempo voltou e trouxe a era de ouro das HQ’s, entre outras histórias fazem de Stan Lee um cara como eu, você e o resto dos habitantes do planeta Terra: um ser humano passível a erros. E mesmo sendo fanática pela Marvel e pelo Stan, não sou retardada ao ponto de achar que ele é o cara mais perfeito do mundo. Just saying.

Continuando, este não é um post onde vou contar a carreira de Stan Lee (me cobrem, eu tenho que fazer um desses), mas uma singela homenagem ao homem que tornou minha infância, adolescência e vida adulta mais feliz com suas criações.

Um dia, eu espero ser tão feliz e realizada quanto Stan Lee é com seu trabalho, e o sorriso estampado no rosto já maltratado pela idade, as brincadeiras de um homem que vê seus sonhos se tornarem realidade até os 91 anos e a humildade com que trata seus fãs, não deixam dúvida de que ele é um dos caras mais realizados que eu já conheci (não pessoalmente). As imagens falam por si:

Stan Lee na premiere de Homem-Aranha (2002)

Stan Lee na premiere de Homem-Aranha (2002)

Stan Lee na premiere de Hulk (2003)

Stan Lee na premiere de Hulk (2003)

Stan Lee na premiere de Hulk (2003)

Stan Lee na premiere de Hulk (2003)

Stan Lee na premiere de Homem-Aranha 2 (2004)

Stan Lee na premiere de Homem-Aranha 2 (2004)

Stan Lee na premiere de Capitão América: O Primeiro Vingador (2011)

Stan Lee na premiere de Capitão América: O Primeiro Vingador (2011)

Stan Lee na premiere de Capitão América: O Primeiro Vingador (2011)

Stan Lee na premiere de Capitão América: O Primeiro Vingador (2011)

Stan Lee na premiere de Thor (2011)

Stan Lee na premiere de Thor (2011)

Stan Lee na premiere de Os Vingadores (2012)

Stan Lee na premiere de Os Vingadores (2012)

Stan Lee na premiere de Os Vingadores (2012)

Stan Lee na premiere de Os Vingadores (2012)

Stan Lee e Os Vingadores (2012)

Stan Lee e Os Vingadores (2012)

Stan Lee na premiere de Homem de Ferro 3 (2013)

Stan Lee na premiere de Homem de Ferro 3 (2013)

Stan Lee na premiere de Homem de Ferro 3 (2013)

Stan Lee na premiere de Homem de Ferro 3 (2013)

Stan Lee na premiere de Thor: O Mundo Sombrio (2013)

Stan Lee na premiere de Thor: O Mundo Sombrio (2013)

Stan Lee e  Jamie Foxx, o Electro de O Espetacular Homem-Aranha 2 (2014)

Stan Lee e Jamie Foxx, o Electro de O Espetacular Homem-Aranha 2 (2014)

Observou as imagens acima? Olha bem no rosto de cada uma das pessoas que apareceram junto com Stan Lee e veja quem está mais feliz. APENAS VEJA. Agora, já de olho nos argumentos de “Ele tá feliz desse jeito porque tá ganhando grana pra caralho”, eu trouxe algumas imagens que podem mudar esse pensamento:

Stan Lee lendo histórias para crianças. Quem parece mais feliz?

Stan Lee lendo histórias para crianças. Quem parece mais feliz?

Stan Lee e um fã. Quem parece mais feliz?

Stan Lee e um fã. Quem parece mais feliz?

Stan Lee conhecendo seu mini-cosplay. Quem parece mais feliz?

Stan Lee conhecendo seu mini-cosplay. Quem parece mais feliz?

Stan Lee abraçando um cosplay do Hulk. Quem parece mais feliz?

Stan Lee abraçando um cosplay do Hulk. Quem parece mais feliz?

Stan Lee no meio dos cosplays de algumas de suas participações especiais nos filmes da Marvel. Quem parece mais feliz?

Stan Lee no meio dos cosplays de algumas de suas participações especiais nos filmes da Marvel. Quem parece mais feliz?

Alguma dúvida de que ele é um dos profissionais mais felizes e realizados com seu trabalho e sua história? Pra mim, esses sorrisos não são falsos. Stan Lee é acusado de “estrelismo” e de querer aparecer em filmes de personagens que ele não foi o único a criar. Pois bem, se não fosse o estrelismo de Stan Lee, não teríamos as participações especiais dele nos filmes da Marvel. SEM SUAS PARTICIPAÇÕES ESPECIAIS, OS FILMES DA MARVEL NÃO SERIAM TÃO ESPECIAIS. NÃO SERIAM. ELE FAZ DIFERENÇA.

Eu vou deixar uma mensagem aqui e já aviso: se você tem o coração mole, não veja a próxima imagem:

stanlee (1)

Só esse pensamento já me dá pesadelos. Nós somos TÃO sortudos de viver na época do ápice dos super-heróis nos quadrinhos, e ver esse ícone chamado Stan Lee fazendo sua parte, filme após filme, que eu não quero nem pensar em quando ele não estiver mais lá.

Enfim, acho que o Robert Downey Jr. fez, neste dia, algo que eu e todos os fãs de quadrinhos queríamos fazer com Stan Lee:

lee-ironman

OBS: esse abraço apertado aconteceu depois que Stan Lee disse o seguinte sobre RDJr: “Este homem nasceu para ser o Homem de Ferro. Ele é exatamente o que eu tinha em mente quando eu criei Tony Stark.”.

Mães, animais de estimação e o Stan Lee deveriam, simplesmente serem eternos.
Eu amo esse velho. Puta que pariu, COMO EU AMO ESSE VELHO!

Leia mais Textões da Louise

Por Louise


VEJA TAMBÉM:

COMENTE:

© 2019 Proibido Ler. Todos os direitos reservados.