Resenha – Dragon Ball Super

Traz de volta a sua criança interior

Dragon Ball Super teve seu primeiro episódio lançado e é claro que esta que vos fala não poderia deixar de fazer uma resenha sobre o episódio piloto.

Nos primeiros minutos é feita uma recapitulação dos acontecimentos envolvendo Majin Boo, bem como o seu desfecho, onde Goku precisou reunir a energia das pessoas da Terra para formar a Genki Dama que conseguiu finalmente derrotar o inimigo, quando as esperanças já eram praticamente nulas. Após isso, as esferas do dragão foram reunidas e, por meio de um desejo, a Terra foi restaurada e desde então a paz voltou a reinar no planeta.

E como não existem mais ameaças, Goku começa a se integrar no cotidiano normal dos humanos por livre e espontânea pressão de Chi-Chi. Assim sendo, Goku passa a trabalhar em um local isolado, tratando o solo com seu trator. Por outro lado, Mr. Satan aparece desfrutando de seu reconhecimento e fama por ter sido o “responsável” pela derrota de Majin Boo. Goten e Trunks saem em busca de um presente para Videl e Gohan, que casaram-se recentemente e se metem em confusão.

Resenha - Dragon Ball Super | Traz de volta a sua criança interior

Enquanto isso – em outro planeta – Bills (o vilão do filme Dragon Ball: A Batalha dos Deuses) aparece provando um prato oferecido por um nativo. Para poupar o planeta, Bills deveria gostar da comida que estava provando. Dessa forma, vários planetas vão desaparecendo, um após o outro, pelo universo. Mas, o supremo senhor Kaioh já está observando esses acontecimentos e suas preocupações estão aumentando cada vez mais. Aparentemente uma nova ameaça se aproxima.

Tive a impressão de que esse primeiro episódio se limitou apenas a situar o telespectador sobre o que tem acontecido na vida de alguns guerreiros Z nesse meio tempo, bem como mostrar que na ausência de grandes vilões, todos são meio que forçados a terem um mínimo de vida cotidiana (embora uns gostem e outros não). Ao mesmo tempo, foi abordada uma introdução tímida sobre Bills e seus movimentos pelo universo a fora. O que nos leva a crer que ele em breve chegará à Terra para tentar destruí-la também.

Resenha - Dragon Ball Super | Traz de volta a sua criança interior

O começo foi morno, mas compreensível. Imagino que o episódio seguinte ainda continuará nesse ritmo, uma vez que ainda não vimos outros personagens importantes, tampouco o ritmo que suas vidas seguiram nos últimos anos.

Fui tomada pela nostalgia desde quando apertei play até o momento em que as cenas do próximo episódio apareceram. Ver mais uma vez os personagens que tanto gosto e saber que em breve estarei torcendo por eles em novas lutas é como estar vivendo um flashback da minha infância, quando eu voltava do colégio e sentava na frente da televisão pra saber como Goku iria derrotar o próximo vilão. E digo mais, se rolar a necessidade de erguer as mãos pra uma nova Genki Dama, eu estarei lá, com as mão pro alto e lágrimas nos olhos.

Resenha - Dragon Ball Super | Traz de volta a sua criança interior

Os guerreiros Z estão de volta! Ah, meus amigos, que nostalgia maravilhosa.


Gostou? Tem mais!
Clique e leia: Resenhas de animes e mangás


VEJA TAMBÉM:

COMENTE:

© 2019 Proibido Ler. Todos os direitos reservados.