Os 3 universos Marvel e as Guerras Secretas

Dúvidas… Muitas dúvidas… Outubro talvez tenha sido o mês mais caótico na Marvel no ano de 2015 (e possivelmente nos últimos 5 anos). Leitores antigos e os casuais sofreram tanto com a quantidade de publicações na linha de quadrinhos da editora quanto com as inconsistências cronológicas que esse excesso de gibis nas bancas gerou.

O Outubro do caos na Marvel marcou o lançamento de títulos mensais em 3 períodos diferentes do universo Marvel e aqui você vai entender o que está acontecendo na editora.

Mas como isso foi acontecer?

“Guerras Secretas”, a mais recente saga da Marvel, além de contar uma história que unifica temporariamente todo o “omniverso” (alguns já estão chamando assim) da editora (entenda a premissa da saga aqui), supostamente ao seu final (que já foi adiado) tem a função de reformular toda a linha de quadrinhos da editora.

Durante a saga criada e escrita por Jonathan Hickman e desenhada por Esad Ribic, todo o Multiverso Marvel foi destruído e condensado em um único universo chamado “Mundo de Batalha”. Durante os meses em que a saga é publicada grande parte das histórias da Marvel se passa nesse contexto. Isso inclui a série de edições “tie ins” criadas especificamente para o evento. Até aí tudo bem, né?

Agora, pensado de maneira lógica: Se você vai destruir e posteriormente reformular todo o seu universo usando uma saga desse porte e relançar uma linha de quadrinhos completamente nova após esta saga, o mais prudente seria descontinuar todos os seus títulos ANTES do evento ter início e após seu término lançar a nova linha de gibis de forma ordenada, certo?

Não para a Marvel

O que de fato ocorreu foi que títulos com forte apelo popular e / ou significativo apelo comercial (vendas) não foram descontinuados com o início da saga. Com isso tivemos alguns gibis com histórias se passando no “antigo” universo Marvel sendo publicados no meio das “Guerras Secretas”.

Sob o selo “The last days”, títulos como “Ms. Marvel”; “Black Widow”; “Captain America and the Mighty Avengers”; “Silver Surfer”; “Loki agent of Asgard” e alguns outros continuaram nas bancas contando histórias prévias à “destruição” do Universo Marvel e a formação do novo “Mundo de Batalha” das “Guerras Secretas”.

os-3-universos-marvel-e-as-guerras-secretas4

“Ms. Marvel” continua a ser publicado mesmo com a chegada de “Guerras Secretas”

Essa estratégia de manter alguns títulos no “antigo” universo Marvel mesmo com o advento de “Guerras Secretas” não teve uma recepção negativa e felizmente os leitores entenderam mais ou menos o que estava acontecendo com a editora naquele momento.

Entramos em Outubro de 2015 e aqui começa a iniciativa chamada “All New, All Different Marvel” – que é o nome dado a nova linha de quadrinhos da editora com uma porção de novos títulos com o número 1 na capa. É muito importante lembrar que todas as histórias neste novo universo Marvel se passam 8 meses após os eventos do final de “Guerras Secretas”. E é aqui que o negócio complica…

A Marvel na metade de Outubro de 2015 começa a publicar a sua nova linha de quadrinhos com uma edição “Point One” (já resenhada aqui), um novo gibi do Capitão América (também já resenhado aqui) e muitos outros títulos novos. Isso tudo simultaneamente às “Guerras Secretas” e seus inúmeros “tie ins”.

os-3-universos-marvel-e-as-guerras-secretas2

A “nova e completamente diferente” Marvel começou em Outubro.

Está formada a confusão

Portanto esse fenômeno esdrúxulo foi ocasionado devido à colisão de três períodos temporais na cronologia da Marvel – O pré-Guerras Secretas (The last days), o pós-Guerras Secretas (All-New, All Different) e as Guerras Secretas e seus tie ins em si. Tudo isso gerado pelo lançamento prematuro da nova linha de títulos da editora que começou a ser publicada antes do final da saga.

Tá… mas o que aconteceu com os personagens da Marvel?

Bom, aí entramos na parte de SPOILERS do artigo e você pode se sentir livre para ler ou não o restante caso não se importe em saber o que aconteceu com alguns personagens Marvel.

Algumas mudanças significativas aconteceram no novo universo Marvel que afetaram o status quo de grupos de personagens recentemente. Algumas dessas mudanças já vem se desenrolando há algum tempo nas publicações individuais e outras são em decorrência de “Guerras Secretas”.

Os Mutantes – Os mutantes do universo Marvel atualmente são afetados pelas névoas terrígenas Inumanas que foram lançadas sobre o planeta Terra ao final da saga “Infinito”. Com isso a exposição a atmosfera terrestre atualmente se torna extremamente nociva para toda a raça mutante. Além disso as névoas ainda aparentemente esterilizam todos os mutantes, impedindo-os de se reproduzirem. Os títulos atuais do X-Men em sua maioria agora tratam das repercussões das névoas na vida dos mutantes.

os-3-universos-marvel-e-as-guerras-secretas5

Reed Richards da Terra-1610 agora faz parte do novo Universo Marvel.

O Quarteto Fantástico – O quarteto fantástico já não existe desde o início de “Guerras Secretas” e isso se mantém após a saga. Com Reed Richards aparentemente sumido, o mundo terá de lidar com sua versão maligna do Ultiverso (também conhecido como o Criador). O personagem já fez uma aparição no título dos Novos Vingadores, mas quanto ao Reed original do Universo 616 pré-Guerras Secretas ainda não há sinal. Enquanto isso, Sue Richards aparentemente fará parte da nova S.H.IE.L.D. como foi mostrado nos títulos dos Vingadores antes de “Guerras Secretas”. Benjamin Grimm se junta aos Guardiões da Galáxia na nova Marvel e Johnny Storm se envolve em um complicado relacionamento com a Rainha dos Inumanos, Medusa e se junta à família real.

Os Aranhas – O universo Marvel pós-Guerras Secretas está infestado de Aranhas. A mudança mais radical é a permanência do Homem-Aranha do Ultiverso, Miles Morales no novo Universo Marvel (e já fazendo parte dos Vingadores). Fora Miles, o novo Universo Marvel se torna a nova casa da favorita da galera, Gwen Stacy – a Spider-Gwen. Outros aracnídeos que brotam após as Guerras Secretas na continuidade são os membros da equipe chamada “Web Warriors” formado aparentemente por Spider-Gwen, Spider-Man Noir, Spider-Man India, Spider-Uk, Spider-Ham (o Porco-Aranha). O próprio Peter Parker, atribulado como administrador da empresa chamada “Parker Industries”, anda “terceirizando” os serviços do Homem-Aranha. O antigo criminoso conhecido como Gatuno anda cobrindo o Aranha original em algumas missões nos Estados Unidos, enquanto Peter lida com os problemas de sua empresa.

os-3-universos-marvel-e-as-guerras-secretas

Favorita dos fãs, Jane Foster continua como a detentora do Mjolnir, Thor.

Os Vingadores – Se levarmos em consideração que de uns 5 anos pra cá a Marvel tinha no mínimo umas 4 equipes de Vingadores diferentes em seu universo, podemos dizer que o status geral da equipe não mudou muito com o advento das Guerras Secretas. A principal diferença nas equipes atualmente é a aparente independência e até conflitos com o S.H.I.E.L.D. em certos momentos. A mudança mais imediata é uma equipe de Vingadores financiada pelo mutante Brasileiro Roberto da Costa, Mancha Solar. Roberto antes de “Guerras Secretas” já havia “comprado” a organização científico / criminosa e usa estes recursos em sua própria equipe de Vingadores.

os-3-universos-marvel-e-as-guerras-secretas6

Pontualmente temos mudanças já estabelecidas previamente nos principais ícones do grupo – O Capitão América continua sendo Sam Wilson, o antigo Falcão, enquanto Steve Rogers continua idoso e liderando uma equipe de Vingadores como apoio estratégico. O Mjolnir continua nas mãos de Jane Foster, a Thor do universo Marvel fez tanto sucesso que foi mantida após o final de Guerras Secretas. Tony Stark aparentemente continua o mesmo da fase pré-Superior Iron-Man (na qual Tony se tornou mais babaca do que o normal). Não há muitas mudanças imediatas para o Homem de Ferro, no entanto na primeira edição de sua nova revista vemos uma importante mudança para o Doutor Destino (que não temos coragem de fazer o spoiler).

Além disso tudo, muitas séries e personagens oriundos de “Guerras Secretas” estão inseridos no novo Universo Marvel. Alguns exemplos são o Lobo Vermelho, personagem esquecido da antiga Marvel que foi revitalizado no tie in de “Guerras Secretas”, “1872” e agora ganha título solo. Outra novidade é o Esquadrão Supremo, equipe formada por membros da antiga equipe homônima da Marvel em sua versão “Max”. O time agora está completamente inserido no novo universo Marvel. O Hulk por sua vez ganha duas versões no novo Universo Marvel – Bruce Banner é visto em sua versão maligna oriunda de “Futuro Imperfeito”, o Mastro. Enquanto existe um novo Hulk cuja identidade é Amadeus Cho, antigo aliado do Versão. Wolverine sofre mudanças também já que o Logan do novo universo Marvel é a versão idosa do universo de “Velho Logan”. Quem assume o manto do carcaju canadense é a mutante X-23.

Estas são apenas as primeiras mudanças já notadas no novo Universo Marvel com o recente e confuso relançamento de sua linha de quadrinhos.

Espera-se muitas outras mudanças nos personagens e títulos da editora à medida que novos gibis forem lançados. Além disso ainda não sabemos como este universo foi afetado por Guerras Secretas, tendo em vista que a saga ainda está em andamento e seu final ainda é um mistério.

De qualquer forma leia a nova linha de quadrinhos, a antiga e a atual e tire suas próprias conclusões sobre a verdadeira zona na qual se encontra a Marvel atualmente.

Veja também: Guia prático para começar a ler e comprar HQs


VEJA TAMBÉM:

COMENTE:

© 2019 Proibido Ler. Todos os direitos reservados.