in

HQ do Dia | Darth Vader #1

Anakin Skywalker talvez seja o vilão de ficção mais icônico da história da cultura pop. A figura de Darth Vader representa o vilão trágico quintessencial e é conhecido em qualquer canto do Planeta Terra. Naturalmente com a aquisição dos direitos da franquia Star Wars pela Disney/Marvel, a empresa se aproveitaria da popularidade do personagem em algum título de quadrinhos. Aqui temos a estreia da série mensal protagonizada por pelo Lord Sith, Vader.

Assim como na HQ Star Wars (De Jason Aaron e John Cassaday) a equipe criativa de Darth Vader, composta por Kieron GillenHQ do Dia | Darth Vader #1 e Salvador Larroca nos transporta diretamente para o frutífero período situado entre o Episódio IV – Uma Nova Esperança e o antológico Episódio V – O Império Contra-Ataca. O diferencial é que em Vader vemos os eventos que precedem o Episódio V sob a ótica do maligno Império Galáctico. Aqui acompanhamos um Anakin Skywalker recém derrotado pela Aliança Rebelde tendo que se justificar ao indigesto Imperador Darth Sidious e orquestrando seus planos contra seus inimigos. O argumento de Gillen é sóbrio e sem suas habituais “invenções” e quebras de formatos. Diálogos simples e uma história de fácil compreensão, mas que não empolga tanto quanto o outro título da franquia. Temos uma primeira edição que faz uma breve introdução do personagem ao público e apresenta uma galeria de personagens icônicos. Darth Vader se relaciona diretamente com os eventos da HQ Star Wars de Jason Aaron, e acompanhamos aqui o desenvolvimento de um pequeno universo de histórias nascendo, mas nada além disso.

Se por um lado a história não tem nada demais, a arte de Larroca no título é simplesmente sensacional EM TODAS AS PÁGINAS. Desde os diálogos de Vader com o Imperador passando pelos flashbacks que relembram eventos do Episódio IV até as cenas em Tatooine. Tudo é muito bem feito e bem pensado visualmente. As caracterizações de conhecidos protagonistas e até dos obscuros e icônicos coadjuvantes são perfeitas. Larroca consegue superar o brilhante trabalho de Cassaday nesta edição de estreia e Vader poucas vezes foi tão bem caracterizado em uma história em quadrinhos.

Darth Vader #1 não é uma estreia espetacular e empolgante. O roteirista claramente trabalha sob “cabresto” editorial e nos apresenta uma primeira edição sem nenhuma surpresa, mas também sem deslizes. O destaque vai para o trabalho gráfico que é sim embasbacante de tão bem feito. Vader é um espetáculo visual com um traço classudo e imponente. Uma boa leitura para os fãs da franquia, mas longe de ser um título indispensável.

Veja minha última resenha: HQ do Dia | Spawn #250

OBS: veja também minha resenha de Star Wars #1: HQ do Dia | Star Wars #1

E aí, curtiu?

Escrito por Igor Tavares

Carioca do Penhão. HQ e Videogames desde 1988. Bateria desde 1996. Figuras de ação desde 1997. Impropérios aleatórios desde 1983.

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

Loading…

0

Piratas do Caribe: Os Mortos Não Contam Histórias | Produção do longa com retorno de Johnny Depp é iniciada

“Os Heróis mais Poderosos da Marvel” é a nova coleção da Editora Salvat