...

Dominação Mundial

20/04/2009 por

Eu sei que dinheiro, política, gosto e religião não se discutem. Porém podemos, com certeza, demonstrar, dissertar e registrar nossa opinião sobre esses assuntos. Gostaria hoje de salientar algo sobre os evangélicos. Respeito cada um deles e, acima de tudo, respeito a religião de cada cidadão pagador de imposto neste país. O evangelismo é uma crescente em todo o Brasil e no mundo, considerando que a mesma já cresceu mais de 70% nos últimos tempos e está se tornando a maior religião do planeta. Existem mais igrejas evangélicas no mundo, do que franquias MC Donald’s.

Mas o engraçado não é isso. O engraçado é ver que a cada esquina que você passa seja em Sampa, no Boqueirão, na Cidade Tiradentes e em outros lugares desta nação, tem um espacinho destinado a eles. Hoje essas igrejas ou templos estão pau-a-pau com a taxa de natalidade brasileira. Parece mais rentável alugar um espaço, pintar de azul-céu, colocar umas cadeirinhas, um pequeno palanque e profetizar sobre todas as forças, do que vender um aparelho celular ou tocador de MP3. O poder de “Deus” está sempre presente nelas, algumas são internacionais, outras são distritais e tem aquelas que nem entram nas estatísticas, pois nasceram da mecânica do seu Zé do Araguaia que havia falido na semana passada.

...

Entre pedestres e perdidos

18/04/2009 por

Sinal fechado por Yuri Alexandre Por que toda vez que você, apressado demais para raciocinar, vai atravessar a rua, um bonequinho de sinalização para pedestres começa a piscar no vermelho? Pedestres, em geral, vivem o mesmo dilema. No entanto, andar por ai dividindo a calçada com árvores, bueiros, buracos, camelôs e até ciclistas, é uma atividade estimulante para os bons observadores. Mas cuidado: atravessar fora da faixa (ou não) pode resultar na sua morte.

É quase infinito o número de acidentes no trânsito, muito deles envolvem os que se locomovem apenas usando as pernas e, ainda dentro dessa parcela estão as senhoras de idade. Essas mal descem do ônibus e já querem atravessar a rua. É neste momento que aquele motoqueiro travesso vai passar com sua, e somente sua, velocidade normal e levará junto dele a senhora. Era uma vez uma idosa…

...

É verbo, substantivo, adjetivo e…

15/04/2009 por

O mundo abusa de você, seu trabalho te estressa, sua mãe te irrita pedindo para arrumar o quarto e todos a sua volta só sabem falar Ronaldo. Tem uma forma melhor de recompensá-los do que pronunciando num bem sonoro e belo palavrão? A arte do palavreado nefasto evolui a cada dia. Sua avó deve desentender toda aquela meia dúzia de palavras seguidas e ditas em menos de meio segundo quando na época dela era algo como “Seu mau caráter!” Na certa, isso não ofende mais ninguém.

O chulo não deixa de ser gíria e muitas vezes fazemos dele um advérbio. A palavra porra é um bom exemplo dessa aplicação, quando visto no seu sentido denotativo torna-se ainda mais feio do que o baixo calão em si. Afinal, líquido espermático não soa bem. “Porra meu, por que você fez isso?” – eficaz e dispensa explicação quanto ao aborrecimento.

...

Sarará Crioulo

05/04/2009 por

Porque funciona assim: quem é careca quer tê-los, quem é crioulo quer lisos, morenas querem ser loiras, e adiante seguem os desejos e insatisfações. Acontece que por mais gastos e cuidados desperdiçados com o cabelo, a grande maioria das pessoas ainda se olha no espelho reclamando do tamanho da franja, por exemplo. A arte de pentear o cabelo, é sim (ou já foi), parte da vida de todos.

Teorias dizem que você passa metade da vida dormindo. Consideremos que seja verdade! Podemos estimar que grande parte da outra metade é vivida em idas ao cabeleleiro cabeleireiro, lambuzada de litros de gel fixador e saturada de xampús. Fora os cremes redutores de volume, condicionadores, laquês, chapinha e lá lá lá. Podemos deduzir também que há toda uma indústria por trás desse vaidosismo em deixar o cabelo apresentável.

Aposto cem reais no cavalo branco de Napoleão que aquele seu tio cinquentão usa Grecin 2000 só para aparentar juventude nas churrascadas de domingo. Os outros familiares, com outra certeza, lembrarão da época hippie dele e comentarão sobre o black power que ele recusava lavar. Água e hippie não se combinam muito bem; assim como chapinha e chuva. Nessa última comparação, você se lembrará da namorada do seu primo que tem o cabelo mais ruim do que rúcula estragada e tenta disfarçá-lo usando este tipo de alisamento. O mais legal é vê-la correndo embaixo da chuva com uma sacola do Carrefour na cabeça.

Por falar em namorada do primo; o próprio apresenta suas peculiaridades com o cabelo. Antigamente era só topete alinhadinho e sustentado a base de sabonete. Hoje ele penteia aquele pseudo-moicano como se fosse um aprendiz de punk e ainda mantém o topete na frente (por incrível que pareça). Um tempo até usou a parte espetada como franja, mas desistiu depois que começaram a chamá-lo de emo na escola.

...

Só mais 5 minutinhos

27/03/2009 por

Atrasos, correria, mais atrasos, mais correria e assim o dia vai te levando à loucura.

Ataque um Fusca cheio de elefantes dentro aquele que nunca se atrasou na vida.

Atrasos e conjugações do verbo atrasar é como tatuagem no cotidiano do brasileiro. Por exemplo, você marca com um amigo ao 12:00, pode colocar mais 30 minutos aí de tolerância, pois com certeza ele vai chegar depois do horário combinado. Hoje em dia as empresas estabelecem uma margem de horário para o funcionário chegar atrasado. Que varia de 5 a 15 minutos, claro que existe aquelas que aceitam uma margem maior, porém isso depende de seu trabalho e puxa-saquismo com o chefe.

Garanto que você já se atrasou um dia, pois quis dormir mais 5 minutinhos e eles simplesmente, como um passo de mágica, viraram 40 minutos e ao acordar você percebe que naquela hora teria que estar no meio do caminho com destino ao trabalho, à faculdade ou para aquela depilação de buço. Não fique triste, pelo menos nos seus sonhos foram apenas 5 minutinhos. Hoje os celulares com função despertador é utilizado pela grande maioria das pessoas para desgrudar dos momentos de prazer a cama. Calma minha gente! Não estamos falando de séquisso. E esses celulares já vem pré programados para a função soneca, ou seja, ele desperta de 10 em 10 minutos para você não perder seus compromissos. Viu que evolução? Agora você pode falar só mais 10 minutinhos ao invés de 5. Outra coisa que influencia muito em sua vida para praticar a arte do atraso é o trânsito horrendo da cidade São Paulo.

Últimas Notícias

© 2017 Proibido Ler | Feito com Wordpress - Desenvolvimento por Dk Ribeiro & Baruch Vitorino