Sedução

Seu músculos se contorciam no frio de outono
Nas suas mãos aquietavam-se o suor na ponta dos dedos
Mas o desejo e o prazer  fazia-a sorrir no canto da boca
Sua sobrancelha levantada dava ar de superioridade

O cigarro fazia parte da sedução e do charme
O perfume escondido atrás das orelhas
Quando beijados faziam corar o rosto
Sua pele branca e macia atraía a luxúria

Em seus olhos haviam o fogo intenso
E também pequenas gotas de sacrifício
Seus pensamentos não continham razões diretas
Sua voz era cruel e bela

A vontade de explorar transparecia
Corpo a corpo o frio desaparecia
Mesmo se não fosse tarde de mais
Não iria voltar atrás

A vida é bela por um instante
O sol não se poe duas vezes nun dia só
As ondas navegam ao contrário
E tudo se vai novamente…

Por Caio Luke.

Por


VEJA TAMBÉM:

COMENTE:

© 2019 Proibido Ler. Todos os direitos reservados.