Jurassic Park

Caixa Belas Artes promete madrugada inteira na companhia de dinossauros

 Qualquer cinéfilo de SP conhece, frequenta ou já ouviu falar do noitão que o Cine Belas Artes realiza todos os meses. Mas este mês, em específico, o Belas Artes promete uma noite inteira na companhia dos dinossauros. Em parceria com a Universal Pictures, a tradicional madrugada cinematográfica do Caixa Belas Artes exibe a série completa da franquia “Jurassic Park” ocupando três salas com programas diferentes à escolha do cinéfilo. Confira a programação:

curiosidades-jurassic-park (8)

NOITÃO Especial – Jurassic Park

Sala 1 – Villa Lobos

23h50: Jurassic Park, de Steven Spielberg (1993, 127min)

02h20: O mundo perdido de Jurassic Park, de Steven Spielberg (1997, 134min)

05h10: Jurassic Park III, de Joe Johnston (2001, 94min)

*Término às 06h45

Sala 2 – Candido Portinari

00h20: Jurassic Park, de Steven Spielberg (1993, 127min)

03h00: Jurassic World: o mundo dos dinossauros, de Colin Trevorrow (2015, 125min)

05h30: O mundo perdido de Jurassic Park, de Steven Spielberg (1997, 134min)

*Término às 07h45

Sala 5 – Carmen Miranda

00h00 Jurassic World: o mundo dos dinossauros, de Colin Trevorrow (2015, 125min)

02h30: Jurassic Park, de Steven Spielberg (1993, 127min)

05h10: O mundo perdido de Jurassic Park, de Steven Spielberg (1997, 134min)

*Término às 07h20

Neste noitão o público vai participar de sorteio de prêmios e receberá um “certificado de sobrevivência” com selo do estúdio ao final da maratona, além do tradicional kit café da manhã.

jurassic-park-caixa-belas-artes-promete-madrugada-inteira-na-companhia-de-dinossauros2

Jurassic Park conta a história de um parque temático localizado no litoral da Costa Rica e habitado por dinossauros extintos há 65 milhões de anos. Foram recriados em laboratório, a partir de um inseto fossilizado e da obsessão de um milionário chamado John Hammond – que vê o sonho virar pesadelo quando um de seus funcionários é violentamente atacado por um velociraptor. Este é só o início de uma aventura que já completa 22 anos e coleciona gerações de fãs. Quem não assistiu “Jurassic Park” (1993) na telona, ganha uma chance imperdível neste sábado (09.10), no Noitão Caixa Belas Artes.

Jurassic World (2015) | Deixe-se levar, sentir e divertir por essa história

Baseado no romance de Michael Crichton, o filme de Steven Spielberg venceu 25 prêmios internacionais, entre eles os Oscars de Melhor som, Melhor edição de som e Efeitos especiais. Alcançou a 17ª maior bilheteria da história do cinema e originou outras três sequências: “O mundo perdido de Jurassic Park” (1997), “Jurassic Park III” (2001) e “Jurassic World: o mundo dos dinossauros”, lançado em junho deste ano. Aqui, os dinossauros surgem domesticados, protagonizam shows acrobáticos e convivem com a curiosidade dos turistas, que passeiam entre as criaturas gigantes a bordo de cápsulas esféricas, como em um safári.

CAIXA BELAS ARTES

Endereço: Rua da Consolação, 2423 – Consolação – Tel: 11 2894 5781

Site: www.caixabelasartes.com.br

Ingressos: Os ingressos custam R$ 38 e R$ 19 (meia, para estudantes, correntistas do banco Caixa Econômica Federal, melhor idade) e dão direito a três filmes, exibidos em sequência. Tem poltronas numeradas. Em todas as salas, cadeiras adequadas para obesos e espaço para cadeirantes.

Veja também: Jurassic Park | Curiosidades sobre a saga que revolucionou os efeitos especiais


VEJA TAMBÉM:

COMENTE:

© 2019 Proibido Ler. Todos os direitos reservados.