6 piores fases aquáticas dos games

Leia em: 4 minutos

Quando penso em games no estilo plataforma e suas fases, a primeira coisa que vem na minha cabeça é: “será que vai ter fase na água?”. Só de pensar nisso já bate aquela tristeza, já que muitas delas são um grande pé no saco, algumas a gente até suporta pelo amor ao jogo, mas esse amor as vezes tem um certo limite. Então para divertir essa sexta muito louca de todos, decidimos trazer 6 joguitos que tem fases aquáticas infernais e que estimulam a vontade de quebrar o controle do seu console:

Sonic The Hedgehog 

Todo bom fã do mundo dos games conhece o ouriço azul mais amado da Sega. Sonic foi um dos primeiros jogos a protagonizar uma fase feita totalmente na água, sendo um grande desafio na época de tão chato que era passar. Os controles dele na água eram bem perdidos ainda, então alguns movimentos faziam com que ele ficasse escorregando pelo mapa, parecendo que ele estava sendo levado pela força da água, forçando desviar rapidamente de espetos que surgiam no meio  do caminho e pisar em botões que faziam a água descer por alguns segundos. Obrigada, Sonic por iniciar essa zoeira.

Leia mais: Mortal Kombat e seus convidados marcantes

Kingdom Hearts 2 

Se tem uma fase que me irritava profundamente, literalmente foi a da Pequena Sereia em “Kingdom Hearts 2”, em que as missões musicais conseguem irritar mais do que nunca. Tentando ser um Guitar Hero aquático com peixes, devemos acertas as sequências o que no começo é meio chato já que até pegarmos a prática leva tempo e uma hora vira um pé escutar a mesma música após 20x tentando acertar tudo sequencialmente. Mas pior que isso é quando devemos enfrentar a malvada, Úrsula, que não satisfeita em ter uma barra de vida gigante, ainda decide cantar durante a batalha e devemos acertar o tempo dos botões que aparecem em tela para acertar o golpe e dar algum dano nela que seja. Meus sinceros nunca mais quero fazer essa fase na vida.

Super Mario World

Quem nunca se irritou jogando uma fase de “Super Mario World” que atire a primeira pedra. O game que mais conseguiu fazer com que as pessoas gastassem dinheiro comprando controle novo, já que o pessoal quebrava tudo, certeza foi por culpa do nosso encanador favorito – e que talvez apenas Sekiro consiga bater, mas isso é outro papo. Super Mario conseguia irritar em muitas das fases, principalmente pelo fato do nível do game ir ficando cada vez mais difícil. Mas uma coisa que sempre irritou mesmo foram suas fases aquáticas que conseguiam ser lindas e ao mesmo tempo ser uma grande visão do inferno em azul com peixes, algas e bolas de espeto.

Leia mais: Série Master: os minigames que marcaram época

Crash Bandicoot 3

“Crash Bandicoot 3” é um clássico do PS1 e que infelizmente não fugiu da maldição das fases aquáticas. Usando apenas um tanque de oxigênio, devemos completar a fase pegando todas as caixas, atirando em inimigos e desviando de algumas bolas explosivas. Não é absurdamente ruim por completo, mas o problema são os controles que as vezes falham fazendo a gente morrer de maneira bem besta, sendo um incomodo se queremos bater o recorde de tempo para completar a fase ou até mesmo pegar tudo o que for possível nela.

The Legend of Zelda: Ocarina of Time

Posso dizer com sinceridade que “The Legend of Zelda: Ocarina of Time” é um dos meus games favoritos nessa vida, mas que também sofre com a fase aquática de uma forma bem desgraçada. Ao explorarmos o Templo Aquático o nosso querido Link não é um peixe, necessitando de oxigênio para sobreviver dificultando ficar muito tempo embaixo d’água. Perdemos pelo menos uns 15 minutos nessa apenas indo e voltando para a superfície para recuperar o folego, deixando a vida mais difícil durante a gameplay.

Leia mais: Zerando Battletoads do NES em 12 minutos

Donkey Kong Country

E para encerrar, obviamente que não poderia faltar esse belo game com uma fase irritante dessas, “Donkey Kong County”. Nossos dois macacos maravilhosos precisam passar pela água para conseguir atravessar o mapa e chegar ao seu destino, mas infelizmente os peixes e a água envenenada que as vezes toma conta não irão te ajudar.

Quer comprar jogos com um belo descontão e ainda por cima ajudar o Proibido Ler? Selecionamos ótimas dicas de games na Amazon e a maioria com frete grátis para clientes prime. Clique aqui e pegue aquele game que está faltando na sua coleção. E venha nos conhecer em nosso canal da Twitch.